logo image
     Tudo em movimento
Arte

Raul Mourão – Tração Animal (MAM)


‘Tração Animal’ apresenta um conjunto de obras recentes de Raul Mourão no Museu de Arte Moderna do Rio de Janeiro (MAM). A escultura sempre foi o seu ofício, mas as imagens e a rua empurravam o fazer escultórico e sua preocupação com o volume e a gravidade para a fluência da vida. As estruturas modulares utilizadas em andaimes são rígidas e utilitárias na sua função cotidiana.
Nestes balanços de Mourão, todavia, elas se deixam conquistar pelo movimento, pela articulação lúdica e pela graça de só servirem ao olhar desarmado. A presença plástica e visual do mundo entra em sua obra não como tema, mas como energia que se infiltra no processo criativo, desdobrando o olhar curioso em estruturas cinéticas, em planos rítmicos, em sombras dançantes.
O movimento dos balanços se desloca para os planos verticais do elevador e deste para o desenho misterioso de luz e sombra. É uma exposição em looping, tudo vai e volta em balanço: do físico ao virtual, do corpo à luz,da luz à sombra. Neste movimento contínuo, uma espécie de mantra visual, o que se evidencia é a capacidade de encantamento estético de sua obra – a força de capturar e ativar a nossa percepção diante do aparecer das coisas.

(Luiz Camillo Osorio – Curador)

Máximo Silêncio em Paris


Em uma exposição inédita na Praça Paris, no bairro carioca da Glória, o artista italiano Giancarlo Neri mostrou a instalação que montou no Circo Massimo, em Roma, em 2007, e em Madri, em 2009. A obra tem 9 mil lâmpadas, que mudam de cor e variam também de intensidade luminosa. Uma sensação visual única que redesenha e destaca o entorno da obra.

Equipe Nomadis:
Direção de Fotografia | Thiago Torres
Fotografia | Thiago Torres, Daniel Venosa, Pedro Maia e Sidney Dore
Produção | Gabriel Zambrone e Philipp Peixoto
Edição | Erich Eichner
Cor | Erich Eichner e Thiago Torres
Imagens Aéreas | Eyesky

Exposição Sailor’s Life & Death

 


Beleza #1


Um longa-metragem conceitual que critica de uma forma simples os moldes e regras da beleza. Até que ponto o belo é a essência e a exigência do ser humano? De uma forma crua, o diretor Peter Azen, acompanha uma mulher (Gabriela Bonomo) em sua produção de embelezamento na íntegra. Toda a sua maquiagem e transformação têm como objetivo arrumar um companheiro em uma noite qualquer, mas a beleza dela será suficiente? Até onde a política da beleza é uma garantia do bem estar?

Direção e Roteiro | Peter Azen
Direção de Fotografia | Pedro Maia
As. de Fotografia e Op. de Câmera | Thiago Torre
Op. de Câmera | Sidney Dore
Elenco | Gabriela Bonomo – Valdemy Braga – Alice da Nóbrega Loureiro
Edição | Peter Azen
Produção | Nomadis

Na Bhering


Os artistas da bela e ex-fábrica de chocolates Bhering, no Santo Cristo, região portuária do Rio de Janeiro, abriram as portas dos seus ateliês para visitação do público. Um lugar peculiar com muitas intervenções e obras interessantes. A Nomadis cuidou do making of.

Direção: Gabriel Zambrone & Thiago Torres
Diretor de fotografia: Thiago Torres
Produção: Gabriel Zambrone
Edição: Thiago Torres / Gabriel Zambrone